Home / Capa / Um abraço simbólico em torno do Monumento à Abertura dos Portos marcou a abertura do Dezembro Vermelho em Manaus

Um abraço simbólico em torno do Monumento à Abertura dos Portos marcou a abertura do Dezembro Vermelho em Manaus

Diversas ações do Dia Mundial de Luta contra a Aids, comemorado nesta sexta-feira (1°/12), foram realizadas pelo Governo do Amazonas, por meio de programações executadas pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC), Secretaria de Estado da Saúde, Fundo de Promoção Social (FPS), com apoio do Fórum Amazonas de Organização da Sociedade Civil (OSC/Aids), no Largo São Sebastião, Centro, zona sul de Manaus. Dentre elas, destacou-se o abraço simbólico ao Monumento à Abertura dos Portos, localizado no Largo de São Sebastião, em frente ao Teatro Amazonas.

Compondo um grande laço humano no Largo de São Sebastião, o abraço simbólico marcou a abertura da primeira Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids e outras ISTs – Dezembro Vermelho, com foco na prevenção, assistência, proteção e promoção dos direitos humanos das pessoas que vivem com HIV/Aids. “Ainda existe muito preconceito contra as pessoas portadoras do vírus da Aids e também muita desinformação. Infelizmente, Manaus e o estado do Amazonas tem um índice muito alto de pessoas infectadas com o vírus. Nosso trabalho é alertar, fazer com que essas pessoas tomem os remédios, consigam lidar com o vírus e vivam da forma sem muitos problemas”, disse a coordenadora estadual do IST/HIV/Aids e Hepatites Virais, Cristianne Benevides.

A ação objetiva conscientizar a população contra o preconceito, especialmente das pessoas mais próximas e até da própria família dos portadores do vírus, pois muitos são excluídos dos círculos social e familiar devido ter contraído o vírus. “Esse ato simbólico é um momento de chamar a sociedade para a conscientização, para os cuidados que as pessoas infectadas têm que tomar e principalmente abolir o preconceito. Muitas pessoas estão sendo excluídas do seu convívio familiar, da sociedade, pelo desconhecimento sobre a doença. A Aids não se pega através do beijo, do abraço e do carinho. As pessoas podem sim continuarem amando o seu ente querido que tem a doença”, aconselha a coordenadora do Fórum Amazonas de Organização da Sociedade Civil (OSC/Aids), Evalcilene Santos.

Natal – O abraço coletivo também marcou o início da Cantata de Natal. Nesta sexta-feira, o espetáculo fez apresentações do Coral Musikart, com regência de Elton Neves; e do Coral Vozes da Caixa Econômica, conduzido pelo maestro Marcelo Leite. Os dois grupos apresentaram obras sacras e populares do repertório tradicional natalino.

As cantatas natalinas do Largo de São Sebastião integram a programação do “Natal Com + Amor”. A programação natalina do Governo do Amazonas vai promover ainda atividades culturais nos parques Cajual, Mestre Chico, Liberdade e São Raimundo, além do Centro Educacional de Tempo Integral Elisa Bessa Freire, que vai receber a Feira Criativa Natalina e Gastronômica.

 
FOTOS: BRUNO ZANARDO/SECOM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *