Home / Capa / Inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio caíram 25% no AM

Inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio caíram 25% no AM

Redução no número de candidatos no Amazonas era esperada após o fim da certificação do Ensino Médio

Show enem0888
Este ano, as provas do Enem serão aplicadas em 5 e 12 de novembro. Foto: Arquivo/ AC

Silane Souza
Manaus

O número de inscrições confirmadas para o Exame do Ensino Médio (Enem) 2017, no Amazonas, é 25,4% menor do que o registrado no ano passado. A redução era esperada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) por conta de as provas, a partir desta edição, deixarem de certificar o Ensino Médio. Essa função retorna para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), que será aplicado no segundo semestre.

De acordo com o Inep, em 2016, os participantes que faziam o Enem em busca da certificação representaram 11% do total de inscritos. A maioria dos inscritos confirmados para o Enem 2017 já concluiu o Ensino Médio. Esse grupo de participantes representa 59,3% do total. Os concluintes em 2017 representam 31,9% dos inscritos e aqueles que concluirão o Ensino Médio depois de 2017 são 7,8% do total.

Até o último dia 30, um total de 144.774 candidatos haviam confirmados inscrição no Amazonas. Em 2016, o número de inscritos chegou a 194.160. Para o professor Aldemir Malveira, da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), a maioria das pessoas que faziam o Enem realmente buscavam obter a certificação do Ensino Médio. “Como o exame cortou esse objetivo, passando essa responsabilidade para os estados, as inscrições caíram muito”, observou.

Oportunidade
Quem confirmou sua inscrição não pode perder a oportunidade de assistir às aulas do Programa “Amazonas no Enem Sem Fronteiras”, prevista para ser transmitida online no próximo dia 24. Essa será a oitava aula produzida para auxiliar estudantes que estão se preparando para o Enem 2017 e a novidade para essa edição fica por conta do formato de programa de auditório, onde os alunos vão interagir diretamente com a professora Karla Nunes, de química.

De acordo com Aldemir Malveira, coordenador do programa, esta será a última aula do primeiro semestre. Por conta do recesso escolar, as aulas serão suspensas por duas semanas. “Retornaremos no dia 15 de julho com uma aula inédita sobre curiosidade da atualidade. Será abordado o que está acontecendo no mundo e que poderia até impactar na redação, como a questão dos imigrantes, os atentados na Europa, a guerra na Síria, o governo Trump, entre outros”, disse.

Provas
Este ano, as provas do Enem serão aplicadas em 5 e 12 de novembro. A ordem das provas também foi alterada pelo Ministério da Educação (MEC): no primeiro domingo serão aplicadas as provas de Linguagens, Ciências Humanas e Redação, com 5h30 de duração; no segundo domingo serão aplicadas as provas de Matemática e Ciências da Natureza, com 4h30 de duração.

Aulões ao vivo todo sábado
Os “aulões” vão ao ar todos os sábados, das 9h às 11h30. Ao vivo, cada programa apresenta dois componentes curriculares baseados na matriz de referência do Enem. O objetivo  é reforçar a competência e habilidade dos alunos finalistas do ensino médio que irão fazer as provas.

fonte: acritica.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *