Home / Capa / Colheita de Soja em Humaitá, certificará a força do agronegócio no sul do Amazonas

Colheita de Soja em Humaitá, certificará a força do agronegócio no sul do Amazonas

O município de Humaitá no sul do Amazonas, distante 590 km de Manaus, anunciou início da colheita dos primeiros 550 hectares de Soja, plantadas na propriedade da fazenda Santa Rita do empresário e produtor rural Jocelito Foleto. O início da colheita está marcado para as 09h00 da manhã desta sexta-feira (12) a colheita em teste promete aquecer o agronegócio no município, que pode se tornar o0 maior produtor de grãos do estado nos próximos dois anos. Inicialmente foram plantados 550 hectares com estimativa de colheita de 60 sacos por hectares, que representarão um recorde inicial na coleta dos grãos que em outras regiões do Matogrosso se colhe de 52 a 55 sacas por hectares plantados.

SOJA NOS CAMPOS NATURAIS DE HUMAITÁ, NO SUL DO AMAZONAS.                                                                                                                     foto: Jean Leite

O plantio de Soja em Humaitá, estava inviabilizado por vários anos, por questões ambientais, que por falta de conhecimento da região, o Ministério do Meio Ambiente havia travado, em uma tentativa de proteger as áreas pelo desmatamento. “A região sul do Amazonas que compreende grande parte do município de Humaitá é formada por campos naturais, com um potencial riquíssimo para a produção agrícola”, afirma o ex-secretário da SEPROR DEDEI LOBO que é apontado como um dos principais incentivadores do plantio na região.

DEDEI LOBO disse que, o plantio mecanizado da soja nos campos naturais de Humaitá estava travado há vários anos, e que para reacender a produção agrícola de grãos na região, o governo do estado, através do IPAAM precisava viabilizar a licença ambiental dos campos naturais, que já estavam prontos para o cultivo de grãos em larga escala. O ex-secretário disse ainda que, o ex-governador David Almeida destravou a licença, após realizar estudos de impacto ambiental que certificou que para o plantio e a produção de grãos nos campos naturais de Humaitá não se precisaria derrubar uma única arvore, reconhecendo assim o potencial agrícola dos campos naturais de Humaitá.

Foto: Jean Leite

É a primeira vez, ao longo de minha vida, que plantei e vou colher sabendo que, já temos um Porto Graneleiro prontinho para armazenar toda a produção de minha propriedade, que após esta colheita dos primeiros 550 hectares, iniciarei ainda em 2018 o plantio de mais 3500 hectares, com a venda garantida. Minha meta para 2019 será o plantio de 5500 hectares, que serão entregues ao nosso parceiro Masutti”. Falou Jocelito Foleto.

O ex-secretário de produção rural do Amazonas, Dedei Lobo destacou ainda que o setor primário do estado ganhou força na gestão do governador interino David Almeida, avançando na produção agrícola familiar, na certificação do nosso rebanho bovino, tornando o estado Livre da Febre Aftosa com vacinação, e dando oportunidade dos pequenos produtores venderem seus produtos direto ao consumidor final, através de feira de produtos regionais em funcionamento através do sistema SEPROR.

O plantio de Soja no município de Humaitá certifica oficialmente a força agrícola da região de fronteira com o estado vizinho de Rondônia, se tornando um grande celeiro produtor de grãos ao mercado mundial, o município que tem cerca de 53 mil habitantes, é rico na produção mineral, na produção de Açaí in natura e em cativeiro, já possui indústria de beneficiamento de Castanha, Açaí e agora produção e armazenagem de grãos, absorvidos pelo Grupo Masutti.

PLANTIO DE SOJA NA FAZENDA SANTA RITA EM HUMAITÁ NO SUL DO AMAZONAS                                                       Foto: Jean Leite

 

 

A vida do nosso povo, já mudou bastante nos últimos anos, e vai continuar mudando para melhor, a geração de empregos e renda em Humaitá não é mais um sonho, já é uma realidade. Precisamos preparar nosso material humano, para estar prontos para novos postos de trabalho que estarão disponíveis com a chegada de várias empresas, que já estão se instalando em nossa cidade, como Grupo Masutti, Grupo Passarão e Rondobrás”. Comemora Herivaneo Seixas, prefeito do município.

Texto Chaguinha de Humaitá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *