Home / Capa / Em Borba, José Melo abre o ano letivo e anuncia investimentos na área social e de infraestrutura

Em Borba, José Melo abre o ano letivo e anuncia investimentos na área social e de infraestrutura

Mais de 402 mil estudantes nos 62 municípios do Amazonas retornaram às atividades escolares nesta segunda-feira (6), após a inauguração do Centro de Educação de Tempo Integral (CETI) José Holanda Cavalcante no município de Borba (a 215 quilômetros de Manaus).

 

A escola foi inaugurada pelo Governador José Melo que, também, anunciou novas obras de infraestrutura para trazer mais desenvolvimento socioeconômico para o município.
Borba foi o segundo município da Calha do Madeira visitado pelo governador José Melo que, também esteve no último sábado (4), em Nova Olinda do Norte, acompanhado da primeira-dama, Edilene Gomes, e de sua comitiva de secretários estaduais para cumprimento de uma extensa agenda governamental nas duas localidades.
Segundo o Governador José Melo, novas escolas serão entregues neste ano, pensando no futuro do Estado.

 

“O meu Estado chegou ao final do ano passado entre os três com equilíbrio fiscal, e isso permitiu atrair investimentos junto ao Governo Federal para desenvolver projetos na capital e interior do Amazonas.

 

E quando inauguramos obras com essa na educação estamos cuidando do futuro de muitas famílias. Ainda vamos inaugurar 53 novas escolas de Tempo integral e escolas padrão já pensando no futuro de muitas famílias”.

 


Infraestrutura

 

Durante seu discurso, o governador José Melo destacou que vai dar a ordem de serviço para o asfaltamento das estradas “Borba- Mapiá” e “Aixini-Canumã” para desenvolver o projeto da Nova Matriz Econômica Ambiental. As estradas possuem potencial para desenvolvimento econômico no setor primário.
“Estamos asfaltando 48 vicinais para a implantação do projeto de piscicultura e fruticultura junto à Nova Matriz Econômica Ambiental, no Estado. Vamos investir este ano R $150 milhões para abrir esses tanques e comprar equipamentos, e ampliar nossa capacidade de produção de alevinos.

 

E em Borba tenho certeza de que essas estradas vão proporcionar novas conquistas econômicas para milhares de famílias”.

 

Apoio FPS

 

Para dar apoio ao segmento social de Borba, o Governador José Melo enfatizou a participação da presidente de honra do Fundo de Promoção Social (FPS), Edilene Gomes, para a implantação do Liceu de Artes Cláudio Santoro.

 

Além disso, o FPS dará apoio para a construção da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e da Pestallozi.

 

O auxílio para a construção do Centro Social da igreja católica de Borba está também na pauta de compromissos do Governo Estadual para a cidade.
Pacote de obras

 

O governador José Melo enfatizou sobre o pacote de obras para a Educação na ordem de R$ 1,1 bilhão para 2017 e 2018.

 

O plano, lançado em janeiro deste ano, prevê a construção, reforma e ampliação de escolas na capital e no interior, alcançando, segundo a secretaria, cerca de 480 mil estudantes.

 


O secretário estadual de educação, Algemiro Lima, ressaltou que esse investimento deve proporcionar mais qualidade no ensino, tendo em vista os frutos ocasionados pela expressiva aprovação de alunos da rede estadual para as universidades públicas em 2016.
“Esse trabalho promissor que o governador José Melo tem com a educação é fundamental para conseguimos elevar a qualidade do ensino de nossa região. Há dois anos, registramos uma média de 200 alunos ingressando nas universidades. Em 2016, saltamos para dois mil alunos da rede pública estadual aprovados nos vestibulares”.

 

Expectativas

 

Se tem alguém animado para o pleno funcionamento da escola são os estudantes de Borba. Esse é o caso de Heloísa da Silva, 17, que vai concluir o ensino médio na nova escola, e pretende ingressar na Universidade para o curso de Medicina.

 

“Estou ansiosa para estudar e me preparar para minha faculdade tão sonhada, que é Medicina. Tenho certeza de que nessa escola vou ter uma base para isso”.
Assim como Heloísa, está o estudante Elton Dias, 15, que vai fazer o segundo ano do ensino médio.

 

Ele conta que sempre vislumbrou o dia que ia entrar na escola para prosseguir com seus estudos.

 

“Quase todo dia passava pela frente e já sonhava em estudar numa estrutura como essa.

 

Aqui na escola vamos ter esse apoio dos laboratórios de ciências como nunca tivemos em nossa cidade. Então dar para termos uma boa ideia de como vai ser bom estudar.”

 


Estrutura da escola

 

O Ceti José Holanda Cavalcante tem capacidade para atender mil estudantes, oferecendo a modalidade de ensino médio em tempo integral.
Com estrutura padrão, o Ceti está equipado com 24 salas de aulas climatizadas; laboratórios de informática e de ciências; biblioteca; piscina; campo de futebol; quadra poliesportiva coberta; sala de música e dança; sala para atendimento odontológico e psicológico; sala de artes marciais; e refeitório.
Sua estrutura física é acrescida ainda de ambientes administrativos; sala para professores e técnicos; cozinha; banheiros com adequações para pessoas com deficiência; secretaria para atendimento ao público e estacionamento para servidores.

 

A estrutura da escola é adaptada com rampas de acesso para livre circulação de pessoas com deficiência.
Ano letivo

 

De acordo com calendário escolar de 2017, estabelecido pela Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC), o ano letivo nas escolas estaduais da capital e do interior, que inicia no dia 6 de fevereiro, cai até o dia 14 de dezembro, totalizando 200 dias letivos.
Cerca de 594 escolas da rede pública estadual iniciaram as atividades escolares nessa segunda-feira (6). Desse total, 230 estão localizadas em Manaus e 364 no interior.

Portal do Zacariasa

UA-82222721-1